quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Direito do consumidor , monitoramento, redes na internet



 

 Seminários info parte II o consumidor contra ataca

 

 

Os direitos do consumidor na web

Horácio Belfort - presidente da Associação Brasileira dos Usuários de Acesso Rápido (Abusar)
Maria Inês Dolci - coordenadora institucional da Pro Teste - Associação Brasileira de Defesa do Consumidor
Maurício Vargas - diretor do site Reclame Aqui
 
Mediador: Maurício Grego - redator-chefe da revista INFO



O site reclame aqui já tem uma base de 2 milhões de usuários, o que pode ajudar muitas empresas a verem como podem melhorar, já sofreu 23 processos de empresas que não se preucupam com os consumidores.  O site abusar trata de problemas com a banda larga também é um campeão de reclamantes. O site traz dicas de entrega de modem, informações sobre produto o que as operadoras muitas vezes não fazem. Bancos, telemarketing e operadoras de celular, as mesmas empresas que tem muitas reclamações off line também tem muitas reclamações on line. As empresas tem que estar atentas às reclamações às vezes resolver um problema de um usuário pode resolver de vários outros e economizar com processos. O diretor do site reclame fez uma comparação entre casamento e empresas e consumidores, ou seja, existem muitas empresas chifrudas por aí que não tratam bem os clientes e são trocadas por concorrentes.




As redes no celular

Claudia Woods - sócia e diretora de inteligência da Predicta
Massayuki Fujimoto - diretor de eBusiness do Citibank e Credicard
Terence Reis - diretor de mobile marketing da agência Wunderman
 
Mediadora: Débora Fortes - diretora de redação da revista INFO

No brasil a maioria dos celulares e pré pago, o que dificulda muito a criação de redes específicas de celular são cerca de 164 milhoes de usuários brasileiros, mas a maioria ainda ultiliza o serviço pré pago. Nos estados unidos tem uma rede social chamada four square que já tem um milhao de usuários, já tem gente falando que será o proximo twitter ja possui cerca de 1 milhão de usuários e ela ela dá a localização exata de quem está usando o sistema. Ainda é necessária muita pesquisa na área.




Monitoramento das mídias sociais

Alessandro Barbosa Lima - CEO da e.Life
Cassio Dreyfuss - vice-presidente do Gartner
Martha Gabriel - CIO da New Media Developers
Phillippe Jorge - CEO da NetBooster-Agency
Renato Meirelles - sócio-diretor do Data Popular
 
Mediadora: Sandra Carvalho – publisher do Grupo INFO

Perguntei para a Martha gabriel se existem ferramentas que monitoram o orkut , ela disse que não, em redes fechadas é necessário trabalho humano . Foi destaque a atuação das empresas na redes sociais motitorar, fazer estrategias e agir depois, não fazer somente avaliações quantitativas, fazer tambem qualitativas.

Não existe nenhum especialista em redes sociais, cada empresa é cada uma , entrar nas midias sociais é barato mais , para monitorar e agir é preciso de tempo, dinheiro e uma equipe qualificada . Não faça estratégias falsas, tente ser o mais trasparente possível,  e rede social não é só simplesmente criar um perfil no orkut, é muito mais que isso.Portanto, não deixe seu sobrinho nerds fazer isso pra você! A não ser  que ele fique estudando o dia todo, isto ai pode ser que até tenha uma chance.Mas lembre-se é seu nome e ou o nome da empresa que está em jogo. E redes sociais são pesquisas gratuitas um grupo focado que tem os mesmos interesses, lembre-se disso.



Amanhã no último capitulo exemplos de bom uso e dicas do twitter.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails
 
Midia Social e Web 2.0 Copyright © 2009 Blogger Template Designed by Bie Blogger Template